Dieta anticelulítica. Esquema e menu de amostras

Dieta anticelulítica. Esquema e menu de amostras

A celulite é uma imperfeição que não está estritamente ligada ao peso corporal, mas através de uma dieta saudável e adequada é possível obter melhorias notáveis. Qual é a dieta certa para derrotar a celulite de uma vez por todas? Um bom começo é certamente seguir uma dieta pobre em calorias, rica em cereais integrais, fruta, vegetais e pobre em sal, açúcar e gorduras saturadas.

A retenção de líquidos e a má microcirculação não estão apenas ligadas à perda de peso, mas ao eliminar alimentos que encorajam o aparecimento da celulite, tais como doces, alimentos fritos e condimentos gordos, é também possível manter a mancha à distância. Não existe, portanto, uma verdadeira dieta anti-celulítica, mas mais um conjunto de alimentos saudáveis que devem ser adicionados à sua dieta.

Para ser eficaz, a dieta para combater esta imperfeição deve basear-se, e não em calorias, no pico glicémico, que deve ser sempre mantido baixo através da ingestão de alimentos antiácidos.

Dieta anticelulítica: benefícios

Este tipo de dieta tem benefícios para todo o corpo, pelo que não só é capaz de reduzir a imperfeição graças ao seu efeito drenante e diurético, como também tem um efeito energizante graças à ingestão massiva de Vitamina C que também tem uma acção tonificante nos tecidos.

A dieta anticelulítica também melhora a circulação sanguínea, melhorando significativamente o bem-estar das veias, capilares e microcirculação que serão estimuladas por alguns alimentos em particular, tais como os mirtilos.

O bem-estar que advém desta dieta é também visível a um nível estético, em particular a pele do rosto parece mais viva, brilhante e menos pálida. Mesmo o cabelo ficará mais brilhante e mais forte graças às vitaminas e à dieta melhorada. Por último mas não menos importante, terá também um efeito adelgaçante devido à perda de líquidos em excesso e a uma alimentação saudável.

LEIA MAIS  Dieta personalizada: dicas para perder peso

Dieta Anticelulítica: os conselhos dos peritos

O primeiro passo para garantir que a dieta anticelulítica é realmente eficaz é reduzir drasticamente o sal e o açúcar, pois são eles os inimigos jurados desta imperfeição. O sal, de facto, favorece a estagnação de líquidos, pelo que, dado que a celulite é caracterizada por um excesso de tecido adiposo com edema e, portanto, pela retenção local de água, é essencial reduzir o seu consumo.

Além disso, é necessário prestar atenção não só ao sal que é utilizado na cozedura, mas também ao que já está contido em certos alimentos, tais como alimentos conservados e transformados, frios e salame, carne enlatada, queijos curados e o caldo de cozedura.

Para além de reduzir o sal, é igualmente importante ter cuidado com o consumo excessivo de açúcar, pois este provoca uma formação excessiva de tecido adiposo que se acumula nas coxas, nádegas e outras áreas do corpo que tendem a ser as mais afectadas pela celulite. O consumo de doces na sua dieta, portanto, deve ser uma excepção e não uma regra.

No entanto, tanto o sal como o açúcar nunca devem ser completamente eliminados da sua dieta.

Dieta anticelulítica: como aumentar a sua eficácia

Para aumentar a eficácia da dieta anti-celulítica é necessário associá-la à actividade física. A actividade motora revela-se uma arma vencedora para restaurar a circulação em todos os distritos do corpo. Pelo contrário, o estilo de vida sedentário, nada mais faz do que aumentar o problema. As massagens de drenagem e banhos quentes e frios são também muito úteis.

A dieta anti-celulite deve ser uma dieta equilibrada e bem dividida tanto do ponto de vista nutricional como na subdivisão das refeições. Em muitos aspectos, é semelhante à dieta mediterrânica.

Para a tornar mais eficaz, a dieta anticelulítica requer a ingestão de muitos líquidos, preferindo aqueles com baixo teor de sódio. Além disso, recomenda-se que não exceda com cafeína e álcool.

Dieta anticelulítica: menu de amostras

Segunda-feira

O pequeno-almoço:
– um iogurte branco magro,
– uma maçã
– um punhado de sementes de linho.

LEIA MAIS  Dieta 1400 calorias: menu com exemplos do que comer

Lanche:
– Um copo de sumo de mirtilo não adoçado.

Almoço:
– 100 gramas de peito de frango;
– uma salada de tomate com rúcula e cereja;
– 2 fatias de pão integral.

Lanche:
– 1 laranja.

Jantar:
– 100 gramas de salmão grelhado;
– 200 gramas de espargos cozidos a vapor;
– 3 ou 4 batatas cozidas.

Terça-feira

O pequeno-almoço:
– 1 ovo cozido;
– 2 fatias de torradas;

Lanche:
– 125 gramas de iogurte magro.

Almoço:
– 100 gramas de hummus acompanhadas de legumes crus ilimitados.

Lanche:
– 1 maçã.

Jantar:
– 50 gramas de cuscuz;
– 100 gramas de peito de frango;
– um kiwi.

Quarta-feira

O pequeno-almoço:
– Smoothie constituído por 200 ml de leite desnatado, uma banana e um punhado de sementes de linho.

Lanche:
– 1 laranja.

Almoço:
– Uma salada constituída por 4 ou 5 batatas novas e 50 gramas de salmão;
– 1 maçã.

Lanche:
– 1 iogurte magro.

Jantar:
– Um bife acompanhado de legumes ilimitados.

Quinta-feira

O pequeno-almoço:
– 3 bolachas de aveia;
– uma banana.

Lanche:
– 1 pêssego.

Almoço:
– sopa de lentilhas;
– 2 fatias de torradas de linhaça;
– salada de pepino e tomate.

Lanche:
– 125 gramas de queijo fresco com baixo teor de gordura e uma maçã.

Jantar:
– Uma omeleta cozida composta por 2 ovos, espargos e um punhado de queijo ralado;
– Funcho cru ilimitado.

Sexta-feira

O pequeno-almoço:
– Um iogurte magro enriquecido com um punhado de sementes de linho.

Lanche:
– 1 pêra.

Almoço:
– 150 gramas de batatas cozidas;
– uma salada de couve crua e cenouras.

Lanche:
– 1 pêra e um punhado de nozes.

Jantar:
– 125 gramas de bacalhau assado com tomate cereja e azeitonas;
– couve-flor cozida.

Sábado

O pequeno-almoço:
– 200 ml de sumo de mirtilo;
– 2 fatias de torradas de trigo integral.

Lanche:
– 2 bolachas de aveia e um punhado de bagas de goji.

LEIA MAIS  Será que a dieta pobre em sódio funciona para perder peso? Esquema e menu de amostras

Almoço:
– 100 gramas de salmão;
– uma salada de rúcula e tomate cereja.

Lanche:
– Um iogurte magro e uma fruta da época.

Jantar:
– 50 gramas de arroz castanho com espinafres;
– 100 gramas de peito de frango.

Domingo

O pequeno-almoço:
– 1 copo de leite desnatado;
– 2 bolachas de aveia.

Lanche:
– 1 pêssego.

Almoço:
– 100 gramas de carne magra;
– uma salada de couve crua.

Lanche:
– Uma mão cheia de frutos secos e uma laranja.

Jantar:
– Sanduíche constituída por 2 fatias de pão de trigo integral, frango assado, meio abacate e fatias de tomate.

Produtos recomendados para resultados rápidos e melhores

Todos sabemos que seguir uma dieta anticelulítica é difícil em si mesmo. Assim, por vezes é o caso de “pedir uma pequena ajuda a partir de casa“.

Felizmente, no mercado existem produtos eficazes que aceleram o processo de emagrecimento e outros produtos que firmam o corpo. Para obter melhores resultados é recomendado seguir uma dieta, e adicionar um suplemento alimentar, e por quão pouco fazer actividade física com ferramentas simples em casa.

Contudo, em alguns casos, estes produtos revelaram-se eficazes mesmo sem uma dieta.

Aqui estão as recomendações do corpo editorial:

Slim4Vit

  • Acelera o metabolismo

  • Controlo da fome

  • Queima gordura

Keto Capsulas Actives

  • Reduz o peso

  • Reduz a gordura

  • Reduz o apetite

Fast Burn Extreme

  • Diminui a formação de gordura

  • Ajuda à definição muscular

  • Fortalece o sistema imunitário

Keto Diet capsulas

  • Normaliza o colesterol

  • Reduz o apetite

  • Reduz a transpiração